Por Bruna Bauer | Fotos: Agência Fotosite

Clássicas, as listras foram incluídas no closet feminino por Coco Chanel e são, até hoje, a estampa queridinha de 10 entre 10 fashionistas. Atemporais, elas combinam com quase tudo – inclusive com outras prints – e ainda podem trabalhar a favor de silhuetas variadas. Não à toa, mais uma vez, despontaram nas ruas durante dos desfiles do verão 2017 da NYFW, em setembro de 2016. Há, sim, versões com um apelo mais fresh e renovado. Aqui, um pouco da história dessa estampa-hit e alguns looks que se destacaram no #StreetStyle.

Hoje, a gente nunca imaginaria que, durante a Idade Média, na Europa, vestir listras era sinônimo de loucura. Isso mesmo: naquele tempo, elas eram usadas para diferenciar pessoas loucas e deficientes mentais das pessoas ditas “normais”. Por isso, claro, àquela época, eram bravamente evitadas nos closets de homens e mulheres.

Mais adiante, em 1858, as listras foram adotadas nos uniformes da marinha francesa por uma questão prática: facilitavam a identificação de homens franceses no mar.

Com 21 listras (uma para cada vitória de Napoleão), quando avistadas por Coco Chanel durante uma temporada no litoral francês, em 1917, inspiraram a criação de uma coleção náutica que culminou na abertura de espaço para a estampa nos closets de mulheres e homens também.

Um pouco mais tarde, nos anos 1950, as listras também caíram nas graças dos intelectuais do movimento Beatnik e de gente como Pablo Picasso, Andy Warhol, Paul Newman, Katherine Hepburn, entre muitos outros…

Da esquerda para a direita: Coco Chanel (anos 1930), Jean Seberg (anos 1960), Andy Warhol (anos 1950) e Pablo Picasso (anos 1950).

Da esquerda para a direita: Katherine Hepburn e Spencer Tracy (Anos 1950), Mary Travers – Peter, Paul & Mary – (anos 1960) e James Dean (anos 1950).

Daí para frente, não ficaram mais de fora do roll de prints de estilistas e grifes de todo o mundo e dos looks de famosos e anônimos em versões navy ou não, como também vimos no #StreetStyle na última Semana de Moda de Nova York capturado pelas lentes da equipe da Agência Fotosite.

Pin It on Pinterest